10 de mar de 2011


Se existir guerra, que seja de travesseiro.


Se existir fome, que seja de amor.

Se for para esquentar, que seja o sol.


Se for para enganar, que seja o estômago.


Se for para chorar, que seja de alegria.


Se for para sorrir, que seja o tempo todo!

Nenhum comentário: